9 Tendências do marketing digital que não podem ser ignoradas. Veja!

9 Tendências do marketing digital que não podem ser ignoradas. Veja!

Quem trabalha com marketing digital sabe que não existe estabilidade nesse mercado. Mudanças acontecem a todo momento, sejam nas redes sociais que recebem novas atualizações, e até mesmo nos hábitos de consumo das pessoas, que passaram a ser muito, mas muito mais exigentes.

Com toda a informação na palma das mãos, o consumidor atual sabe exatamente o que quer e consegue conversar de igual para igual com vendedores. Além disso, passam a maior parte do tempo conectados, onde quer que estejam.

Essas são algumas das mudanças desse novo cenário. Mudanças essas que acontecem numa velocidade nunca imaginada antes e que tendem a ser ainda mais rápidas.

Então, profissionais e empresas já não têm mais escolha: ou se adaptam, ou ficam para trás. É a selva digital!

Pensando nisso, separamos as principais tendências do marketing digital que você precisa conhecer. Vamos lá?

1. Otimização para pesquisas por voz

otimização de pesquisa por voz

 Ok, Google! Quem nunca pesquisou dessa maneira que atire a primeira pedra! As pesquisas por voz vêm se tornando cada vez mais populares.

O motivo? Tudo é muito prático e rápido!

Para você que achava uma maravilha mandar áudio usando apenas um dedo, imagina pesquisar no Google somente com comandos de voz? Uma maravilha!

Se você quer sair na frente da concorrência, tem uma ótima oportunidade nas mãos. Apesar de não ser uma tarefa das mais simples, posicionar um site para buscas por voz traz maiores taxas de conversão.

 2. Micro-momentos

Micro momentos

Uma coisa é fato: estamos vivendo a era do imediatismo e da multitarefa.

A evolução do mobile acentua ainda mais essa questão: ao mesmo tempo em que respondemos alguém, estamos assistindo um vídeo, pesquisando algum produto e ainda checando as redes sociais.

E tudo acontece muito rápido, quase instantaneamente.

No meio desse turbilhão de coisas ao mesmo tempo, a nossa atenção vem ficando cada vez mais volátil e disputada por empresas no universo digital. E é exatamente por isso que você deve prestar atenção nos micro-momentos.

O próprio Google define os micro-momentos como uma necessidade pontual que faz alguém usar o celular para aprender, fazer ou comprar alguma coisa.

Empresas que souberem trabalhar muito bem esses momentos vão acabar conquistando mais clientes – que estarão mais engajados nessas horas – e, por consequência, aumentando suas vendas e seu faturamento.

As intenções que um micro-momento revela são as seguintes:

  • Eu quero saber;
  • Eu quero ir;
  • Eu quero fazer;
  • Eu quero comprar.

3. Inteligência artificial e chatbots

marketing chatbots

 Já faz um tempinho que a inteligência artificial e os chatbots entraram em cena. Para você ter ideia do quanto esse ponto é uma tendência do marketing digital, nós separamos alguns dados para você

Números não mentem! Apenas com essas estatísticas já podemos falar com uma certa segurança que o uso de chatbots acontecerá no futuro.

E por que eles ganharam tanta popularidade?

Além da rapidez para resolver problemas, como mostramos ali em cima, encontramos robôs que tiram dúvidas, vendem produtos e conversam com os clientes ou potenciais clientes de forma integral.

Algumas ferramentas no mercado ainda permitem programar ações ou respostas automáticas que o robô executará, de acordo com o tipo de interação feita.

Bem interessante, não é verdade?

 4. Big Data e Analytics

Tendências no Marketing Big Data e Analytics

Um dos grandes diferenciais do marketing digital é justamente poder medir ações feitas e identificar as que deram certo ou não por meio da interpretação de dados.

Quantas pessoas visitaram seu site? Por quanto tempo ficaram em uma página? Quantas páginas visitaram e quais são elas? São questões que podem ser facilmente identificadas.

Hoje já existem várias ferramentas que geram esses dados: Google Analytics, Facebook Insights, YouTube Analytics… Praticamente tudo pode ser medido no digital.

Pois essa é uma tendência de marketing digital que veio para ficar e tende a se expandir mais ainda!

O grande desafio nesse “mar de informações”, ou Big Data, é justamente pegar esses insights e transformá-los em ações práticas.

Empresas que conseguirem aproveitar essas informações, ajustarem sua estratégia, criarem uma experiência personalizada para os clientes e entregar o que eles querem na hora que precisam vão decolar na frente da concorrência.

5. Vídeo Marketing

Marketing de Vídeo

Pense comigo: você prefere ler um texto ou assistir um vídeo que tenha o mesmo conteúdo? Se você respondeu a segunda opção, não está sozinho…

Isso porque as pessoas preferem 4 vezes mais assistir um vídeo sobre um produto, por exemplo, que ler sobre ele. Bizarro né? Mas é a realidade.

E não pense que essa nova tendência de marketing digital para por aí. Nos últimos 4 anos, o crescimento do mercado de vídeos observou um crescimento nada modesto: 135%! Em contrapartida, o consumo de TV cresceu somente 13%.

Fora esses dados, também estamos vendo novos formatos de produção de vídeos, como vídeos interativos, 3D, realidade virtual e até os verticais (amados por uns, odiados por outros).

O YouTube ainda é preferência nacional e líder de mercado, mas já vemos outras plataformas tentando se adaptar, como o Instagram, com o lançamento de stories e IGTV, e também o Facebook, ao anunciar que a plataforma priorizará os vídeos.

Então, contra fatos não há argumentos. Mais uma tendência de marketing digital que está ganhando bastante força.

6. Conteúdos mais profundos e personalizados

Inbound marketing

Aquela velha frase “conteúdo é rei” continua valendo.

Porém, os usuários estão se tornando mais exigentes e passam a dar preferência por conteúdos profundos, personalizados, que resolvem suas dúvidas de forma mais completa possível.

E se você não acredita, a Buzzsumo fez uma pesquisa para entender o comportamento das pessoas.

A empresa percebeu que os conteúdos mais longos, entre 3.000 a 10.000 palavras, estavam entre os mais compartilhados.

Isso porque eles são mais detalhados e fornecem maiores insights para o usuário, trazendo também mais valor.

Uma ótima oportunidade para se destacar no seu setor!

Veja também outros desafios e oportunidades do Inbound Marketing

 7. Mobile e Responsividade

Marketing responsividade

O mobile tomou conta do cenário digital! E ainda ganhará mais força ainda.  A expectativa é que, até 2020, esse mercado cresça 6% ano ano!

Outros dados mostram também que os gastos com internet mobile já são maiores que os com internet fixa.

A quantidade de dispositivos móveis também já superou os desktops e as pessoas preferem assistir vídeos on-line usando seu smarthphone.

Essa é a era do Mobilegeddon, a revolução mobile. O Google também já passou a dar preferência por sites que sejam adaptados para dispositivos móveis, ou responsivos, quando o assunto é ranqueamento.

Por isso, você deve levar em conta esses pontos.

Seu site já é responsivo? Carrega rápido em dispositivos móveis? Os elementos gráficos se adequam a esses tipos de tela? Se não, você está atrasado e precisa se adaptar urgentemente.

Outro ponto sobre responsividade, que pode ajudar e muito, são as páginas AMP.

O projeto AMP é uma iniciativa do Google com outras empresas e parceiros para criar páginas que carregam quase instantaneamente e dão prioridade para o conteúdo essencial das páginas.

Investir nelas pode ser uma ótima pedida!

8. Influenciadores

Marketing com influenciadores

Cá entre nós: não é de hoje que a opinião, principalmente de pessoas próximas, influencia nossa decisão de compra.

Seja para comprar um produto ou contratar um serviço, sempre pedimos aos familiares, amigos, conhecidos opiniões e experiências como uma forma de diminuir ao máximo a chance de errar na decisão.

E o mercado de influenciadores digitais é bem parecido com essa ideia. Quando você passa a acompanhar blogs, podcasts, canais do YouTube, se familiariza com o influenciador. É como se ele se tornasse um novo amigo ou membro da família.

Por isso que essa estratégia dá tão certo. E com cada vez mais pessoas comuns alcançando esse posto, começam a surgir micro influenciadores ou influenciadores locais, tanto a nível geográfico (cidades ou bairros), quanto em questão de subnichos de um mercado.

E se você tem um negócio local, procure investir nessa estratégia.

Gaste um tempo procurando os influenciadores daquele bairro ou cidade e monte sua proposta. Se fizer mais sentido investir em um influenciador maior, também corra atrás disso. Pode ter certeza que irá valer a pena!

9. Podcasts

Podcasts no marketing

Outro canal de comunicação que vem se destacando ao longo dos anos são os podcasts. Assim como os vídeos sob demanda, que assistimos no YouTube, Podcasts são “programas de rádio sob demanda”.

Você pode assinar vários deles e ouvir quantos episódios quiser, na ordem que preferir.

Em tempos que estamos constantemente ocupados, nada melhor para se informar ou se divertir, enquanto faz outra coisa que não exige 100% de atenção.

E se fizer sentido para seu negócio, você pode investir na produção de um podcast e estabelecer, não só mais um ponto de contato com seu público, mas também um novo canal de comunicação.

Resumindo

 Vamos então recapitular o que falamos nesse post para você não esquecer:

  • As pesquisas por voz estão ganhando espaço na Internet, devido à praticidade e à facilidade que permitem.
  • Micro-momentos acontecem quando uma pessoa procura por uma necessidade pontual, num momento exato. As marcas devem se preparar para isso.
  • Chatbots vieram para ficar! Facilitam a vida dos consumidores e representam um mercado em ascensão.
  • Vivemos a era dos dados! O grande desafio hoje é analisar muitas informações para tomar decisões mais certeiras.
  • Conteúdos em vídeo são mais atrativos e estão crescendo cada vez mais. Outra tendência são os novos formatos: 3D, Interativo ou vertical.
  • Os conteúdos mais profundos, personalizados e completos vêm ganhando a preferência dos usuários na Internet.
  • O uso de dispositivos mobile superou o de desktops. Estar alinhado com essa estratégia é importante.
  • Influenciadores são e continuarão sendo uma boa carta na manga para convencer as pessoas a comprarem um produto ou contratarem um serviço.
  • Podcasts, os programas de rádio sob demanda, são outra tendência, principalmente por causa da falta de tempo. Você consegue escutar um podcast enquanto faz outra coisa que não exija 100% de atenção.

E essas foram as tendências que separamos para você conhecer. E aí, tá preparado para o futuro?

Minicurso Gratuito Por E-mail Revela

Como Se Tornar Um Afiliado que Vende em 6 Dias.

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Mundo dos Afiliados
Mundo dos Afiliados

O Site Mundo dos Afiliados tem como missão compartilhar informações relacionadas a como ter sucesso com programas de afiliados usando as mais diversas ferramentas de marketing online.

    15 Comentários

    1. Muito bom o artigo! Realmente quem quer ter sucesso no mundo do Marketing Digital precisa estar sempre atento a todas as tendências. Estar sempre atualizado é uma obrigação!


    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *